Afeganistão: Joe Biden emite hoje uma declaração sobre a situação

O Presidente norte-americano, Joe Biden, emite hoje uma declaração sobre a situação no Afeganistão, a partir da Casa Branca, anunciou a Presidência hoje em comunicado. Biden, em silêncio há vários dias devido à crise mais série desde a sua...

Afeganistão: Joe Biden emite hoje uma declaração sobre a situação
O Presidente norte-americano, Joe Biden, emite hoje uma declaração sobre a situação no Afeganistão, a partir da Casa Branca, anunciou a Presidência hoje em comunicado. Biden, em silêncio há vários dias devido à crise mais série desde a sua eleição, encurtou a estadia em Camp David, a estância de férias dos presidentes norte-americanos. Inicialmente, estava planeado ficar até quarta-feira, mas os planos tornaram-se insustentáveis face ao controlo do Afeganistão pelos talibãs e da retirada caótica realizada pelas forças norte-americanas no aeroporto de Cabul. Durante o último discurso público sobre o Afeganistão na última terça-feira, Biden defendeu repetidamente a decisão de retirar os últimos soldados norte-americanos até 31 de agosto, no máximo, confiando o destino do país a um governo e soldados afegãos agora derrotados. Em vez de uma retirada ordenada, apoiada pela opinião pública, os norte-americanos testemunham um desastre humilhante, que conclui 20 anos de intervenção militar, a guerra mais longa travada pelo país. Entretanto, o porta-voz do Pentágono, John Kirby, disse que todos os voos civis e militares foram suspensos no aeroporto de Cabul, quando uma multidão de afegãos invadiu a pista para tentar desesperadamente deixar o país. “As forças militares dos EUA estão lá e a trabalhar com outros militares, turcos e internacionais, para dispersar as pessoas. Não sabemos quanto tempo vai demorar”, acrescentou.