Covid-19: AstraZeneca diz que alteração de nome não afeta distribuição da vacina

 A AstraZeneca justificou hoje a alteração do nome da sua vacina contra covid-19 para Vaxzevria com razões comerciais, assegurando que “não significa qualquer mudança” na distribuição do fármaco, após críticas de produção insuficiente para...

Covid-19: AstraZeneca diz que alteração de nome não afeta distribuição da vacina
 A AstraZeneca justificou hoje a alteração do nome da sua vacina contra covid-19 para Vaxzevria com razões comerciais, assegurando que “não significa qualquer mudança” na distribuição do fármaco, após críticas de produção insuficiente para a União Europeia (UE). A vacina da AstraZeneca contra a covid-19 passou a denominar-se Vaxzevria após o aval da Agência Europeia do Medicamento (EMA), anunciou hoje o regulador, divulgando que até quinta-feira passada tinham sido administradas 10 milhões de doses deste fármaco. Questionada pela agência Lusa sobre o anúncio, fonte oficial da farmacêutica AstraZeneca indica em resposta escrita que “a mudança para um nome comercial é habitual e está planeada há vários meses”. “Esta alteração não significa qualquer mudança na política da AstraZeneca de distribuição da vacina – sem lucro durante a pandemia”, adianta a mesma fonte. A informação sobre a nova designação desta vacina – envolta em polémica por a farmacêutica ter falhado o acordado com Bruxelas sobre entregas para a UE e pelo surgimento de coágulos sanguíneos em vacinados – consta de uma atualização ao produto, hoje publicada pela EMA.