Grupo Pestana desmente PCP e garante que não despediu nenhum funcionário

O Grupo Pestana desmentiu hoje as declarações proferidas por Edgar Silva, coordenador do PCP/Madeira, que alegou que "existem trabalhadores efectivos que estão a ser confrontados com documentos para o rescindir dos seus contratos de trabalho"....

Grupo Pestana desmente PCP e garante que não despediu nenhum funcionário
O Grupo Pestana desmentiu hoje as declarações proferidas por Edgar Silva, coordenador do PCP/Madeira, que alegou que "existem trabalhadores efectivos que estão a ser confrontados com documentos para o rescindir dos seus contratos de trabalho". Comunicado do Grupo Pestana: "Foi hoje noticiado pela imprensa que o coordenador do PCP disse que "em diversos grupos hoteleiros, a começar pelo maior grupo hoteleiro de Portugal como está já acontecer no Grupo Pestana, existem trabalhadores efectivos que estão a ser confrontados com documentos para o rescindir dos seus contratos de trabalho. Esta afirmação não corresponde à verdade. Pese o Pestana Hotel Group ter suspendido o funcionamento, por imposição legal, o Casino da Madeira e o Madeira Magic Health e, por não ter clientes, 16 dos 17 estabelecimentos hoteleiros que têm na Região Autónoma da Madeira (dois no Porto Santo não estavam em funcionamento), não apresentou qualquer proposta de rescisão do contrato de trabalho aos seus colaboradores com contratos efectivos. Caso o coordenador do PCP Madeira não prove as suas infundadas e caluniosas afirmações, reservamo-nos o direito de diligenciar, junto das entidades judiciais competentes, a reposição da verdade e a reparação do dano que causa ao bom nome e à reputação do Pestana Hotel Group."